Dicas Detox “Pós-festas”

Iniciámos um novo ano e estamos naquela fase de colocar em prática os novos objectivos, de dar os passos que materializam os desejos lançados.

Não há dúvidas de que, individualmente, estamos a ser chamados a cuidar da nossa saúde, do nosso sistema imunitário, das nossas emoções, dos nossos pensamentos, das nossas relações e do nosso maravilhoso planeta Terra.

Gosto de relembrar que a alimentação é chave para empoderar-nos em todas essas áreas da nossa vida!

Portanto, se faz parte da tua lista de desejos para 2021:

  • ter mais saúde e mais vitalidade
  • se queres praticar uma alimentação mais sustentável, consciente e empoderadora
  • se desejas fazer mudanças nos teus hábitos alimentares, mas não sabes como começar
  • ou se queres perder peso e sentir-te melhor com o teu corpo…

… aqui te apresento umas dicas para abrires caminho a qualquer uma dessas intenções! São conselhos com um carácter “detox”, super simples e eficazes, que te ajudarão a limpar o teu organismo dos “excessos” festivos!

Toma um copo de água com limão em jejum!

Provavelmente não é novidade para ti, mas nunca é demais lembrar este hábito tão simples e benéfico pela sua acção depurativa e anti-inflamatória. Aliás, estudos recentes confirmam os benefícios desta “mezinha” no estímulo do CMM (Complexo Motor Migratório) – mecanismo responsável por limpar o trato digestivo dos resíduos de bactérias, alimentos, etc. Para tal efeito, esta bebida deve ser tomada em jejum, com água morna e deves dar um espaço mínimo de meia hora até à ingestão de alimentos. Basta meio limão, recém espremido.

Enche o prato de verde!!

Acompanha todas a tuas refeições com uma generosa salada, com especial ênfase nas folhas verdes amargas (rúcula, agrião, folhas de mostarda, radicchio, chicória, etc). Os sabores amargos, tão desconsiderados na alimentação industrializada, têm uma importante acção no estímulo às funções hepáticas e ao fluxo da bílis, apoiando a digestão e a detoxificação do organismo. Conta sempre com eles, com os amargos e todos os verdes no geral, em todas as refeições, durante todo o ano!

Repouso digestivo

Deixa o teu sistema digestivo descansar por um mínimo de 3 horas entre refeições e mínimo 12hs de noite! É essencial deixar o organismo desocupado por umas horas (ou dias, com jejuns bem planeados) das tarefas de digerir alimentos, para dar espaço a ocupar-se das funções de eliminação, reparação e regeneração. Digestões consecutivas, mesmo que com pequenas refeições ou snacks saudáveis, interrompem esses processos (nomeadamente o referido CMM ) essenciais à manutenção da saúde.

Hidrata-te bem!

É importante teres ainda mais atenção à ingestão de água, e de outros líquidos, em fases de depuração. A água deverá ser tomada fora das refeições e de preferência morna, sobretudo no inverno! E que água escolher? É um tema um pouco complexo (a desenvolver noutro artigo, futuramente), mas desde já a minha sugestão é que descubras uma nascente de água segura próxima de ti. Existem várias nas nossas Serras! Recolhida e armazenada por ti é sem dúvida a melhor opção em qualidade e sustentabilidade.

Toma infusões depurativas!

A sábia Natureza brinda-nos com muitíssimas plantas com propriedades depurativas e anti-inflamatórias adequadas para estes momentos “detox”. Algumas, talvez as mais famosas para estes fins, são bem amargas, como o cardo mariano, a alcachofra ou o dente de leão. Se para ti são difíceis de tomar podes optar pelas igualmente úteis: camomila, hortelã, urtiga, o próprio chá verde, ou chá de gengibre com limão.

Sumos Verdes

São um excelente auxílio, como aceleradores dos processos depurativos do organismo. Permitem fornecer grandes doses de vitaminas, minerais e substâncias nutracêuticas, sem quase gastares energia digestiva! Se já os conheces este é o momento de os desfrutares. O ideal é substituires o “pequeno-almoço” por um sumo verde, que tenha um efeito depurativo e uma boa concentração nutritiva. Escolhe vegetais / frutas da época e orgânicas, claro.

Deixo-te a receita de um dos meus favoritos nesta época: 2 pêras, 2 ramos de aipo, 2 folhas de couve kale/galega, 1 troço de gengibre.

E… já sabes, se queres depurar deves eliminar o açúcar, os processados, as carnes, os laticínios e os ovos… alimentos de complexa digestão, que trazem muita toxicidade, bloqueiam os orgãos emuntórios e os nossos canais energéticos.

Mais… Respira ar puro, apanha Sol, faz passeios na natureza! Solta e expressa a tuas emoções, através da escrita, da dança, da voz, da pintura… Desliga a tv! Cuida das tuas relações, com os que te rodeiam, com a Terra, com a Vida! Conecta com o amor incondicional! Sê grat@! Sê feliz!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s