Gazpacho de amoras e kombucha

Hoje improvisei um gazpacho* ao qual acrescentei amoras!!

Esta sopa fria de origem andaluza é, já por si só, uma excelente poção de antioxidantes, preparada com alguns dos alimentos mais refrescantes que o Verão oferece em superabundância: tomates, pepinos e pimentos.

As amoras além de trazerem um plus nutritivo (para saberes mais sobre as suas incríveis propriedades, vê o post anterior), dão um delicioso toque adocicado que combina divinamente com toda a mistura de ingredientes.

Outra peculiaridade desta receita é o vinagre de kombucha. Sou fã da bebida e nos últimos anos tenho feito várias experiências com as segundas fermentações e vinagres. Para quem não sabe, o vinagre de kombucha é muito simples: é simplesmente o processo natural de deixar o/os “scoby” por mais tempo no líquido que lhes preparamos… eu gosto de deixar mínimo 2 meses. Mas pode ficar muito mais tempo. Junto sempre algumas aromáticas para enriquecer o aroma e aumentar o seu potencial, tendo assim uns vinagres super medicinais para condimentar as minhas receitas!

E hoje usei, portanto, um vinagre de kombucha (de 4 meses) na preparação do gazpacho. Ao provar o resultado, e tendo como referência a memória de outros gazpachos de sabor mais ácido, senti que ficava bem aumentar esse paladar e então acrescentei um pouco de sumo de limão. E touché, ficou hiper, mega delicioso!

Vamos à receita (fiz tudo a olho, mas foi mais ou menos assim)

  • 5 tomates coração de boi (grandes e maduros)
  • 1/2 pimento verde
  • 1/2 pepino
  • 1 dente de alho grande
  • 1 cebola roxa pequenina
  • 4 C sopa de azeite
  • vinagre de kombucha (ou outro de boa qualidade) a gosto
  • sal a gosto
  • sumo de meio limão (ou a gosto)
  • 1 taça de amoras

Triturar tudo numa máquina potente (liquidificadora, bimby ou triturador) e já está! Rendeu 1200ml.

Podes tomar em copo ou em tigela. Eu prefiro esta última opção pois permite saborear mais lentamente… mmm, uma delícia! Espero que desfrutes muito, tu também, desta receita divinal!

E tu, já conhecias o gazpacho? Costumas criar algumas variações? Partilha aqui as tuas experiências!

*gosto de escrever com “z”, à andaluza 🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s